Qualificatório em Florianópolis define equipes fixas do Super Sevens Feminino

16 equipes de 10 estados do Brasil disputam as 4 vagas restantes entre as equipes fixas do circuito feminino de rugby sevens

 

Florianópolis (SC), 24 de março de 2017 – O Super Sevens Feminino, torneio que vale como Campeonato Brasileiro de Rugby Sevens Feminino, terá sua etapa classificatória neste fim de semana, dias 25 e 26 de março, em Florianópolis (SC). Do Rio Grande do Sul ao Piauí, um total de 16 equipes de 10 estados diferentes estão na disputa por 4 vagas entre as 8 equipes fixas da competição, que terá ao todo seis etapas, seguindo o formato de circuito adotado em temporadas passadas.

 

“Receber a qualificatória do Super Sevens em Santa Catarina é de extrema relevância, pois mostra o que é o esporte e traz expectadores. Envolvendo pessoas que não conhecem o rugby, fomentamos a prática e, quem sabe, aumentamos e espalhamos o rugby pelo estado”, afirma Vanessa Chagas, do Desterro, de Florianópolis, que complementa: “esperamos a torcida amanhã para um belo final de semana de rugby”.

 

O Desterro está no grupo C, ao lado de BH Rugby (MG), Goianos (GO) e São Lourenço (MG). No grupo A estão Leoas de Paraisópois (SP), USP (SP), Serra (RS) e Delta (PI), equipe que vem de mais longe para a classificatória do Super Sevens Feminino. “Participar de uma competição como o Super Sevens sempre foi um sonho para qualquer time do Nordeste e para o Delta não seria diferente. Em 2015 disputamos o quali, mas infelizmente não conseguimos a vaga de equipe fixa. Agora vamos para esse torneio acreditando que todo esforço que tivemos na preparação não foi em vão, pois sabemos que necessitamos conseguir a vaga para continuar a jogar em alto nível nesse ano”, afirma Patrícia Carvalho, destaque do Delta.

 

As demais equipes da etapa qualificatória são Bandeirantes Saracens (SP), Melina (MT), Centauros (RS) e Blumenau (SC), que estão no B, Charrua (RS), Vitória (ES), Maringá (PR) e Guanabara (RJ), no grupo D. As quatro melhores equipes de 2016, Curitiba (PR), Niterói (RJ), São José (SP) e SPAC (SP) já estão garantidas como equipes fixas do circuito e não disputarão no Torneio Classificatório.

 

Sobre o Super Sevens Feminino 2017

A temporada 2017 do Super Sevens Feminino será disputada em formato de circuito. São oito equipes fixas e outras oito convidadas a cada etapa. As quatro primeiras equipes da última temporada – Curitiba (PR), Niterói (RJ), São José (SP) e SPAC (SP) – já estão garantidas, enquanto as outras quatro equipes fixas serão definidas na etapa qualificatória deste fim de semana. As outras oito equipes são convidadas por etapa, sendo o convite livre a qualquer equipe interessada em participar do torneio.

 

Após a disputa das seis etapas do circuito, a equipe que somar mais pontos levará o troféu do Super Sevens e será declarada a nova campeã brasileira de rugby sevens feminino.

 

Super Sevens feminino 2017 – Etapa classificatória

Dias: 25 e 26 de março

Horário: das 9h às 17h

Local: Fazenda Experimental da Ressacada/UFSC

Endereço: R. José Olímpio da Silva, 1100 – Tapera, Florianópolis/SC.

Transmissão: partidas do segundo dia, via Facebook live na página da CBRu (/BrasilRugby)

Equipes participantes:

Grupo A: Delta (PI), Leoas de Paraisópois (SP), USP (SP) e Serra (RS);

Grupo B: Bandeirantes Saracens (SP), Melina (MT), Centauros (RS) e Blumenau (SC);

Grupo C: Desterro (SC), BH Rugby (MG), Goianos (GO) e São Lourenço (MG);

Grupo D: Charrua (RS), Vitória (ES), Maringá (PR) e Guanabara (RJ).

 

Postar comentário

Observe que os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados