Brasil bate o Japão e conquista vaga fixa na Série Mundial

 

Equipe alcançou a meta traçada para os Jogos Olímpicos ao superar as japonesas pela segunda vez no torneio

RIO 2016 BRASIL RUGBY SEVENS

O terceiro e último dia do Torneio Olímpico Feminino de Rugby Sevens foi histórico para a Seleção Brasileira. A segunda vitória sobre o Japão valeu não apenas o 9º lugar nos Jogos Rio 2016 para as Tupis, mas também uma vaga entre as equipes fixas da Série Mundial de Sevens na próxima temporada, a principal competição anual da modalidade. A partida foi realizada nesta segunda-feira (8), no Estádio de Deodoro.

“Alcançamos um dos nossos objetivos nos Jogos. Foi uma grande conquista não só para nós da Seleção, mas sim para o rugby feminino no Brasil. As próximas gerações vão ser beneficiadas com a nossa presença na Série Mundial de Sevens”, disse Paulinha, capitã da Seleção. “Isso mostra que a Olimpíada não é um sonho só nosso e não é um ponto final. A gente quer continuar, chegar amanhã e dizer ‘qual o próximo desafio?’. Teremos o Circuito Mundial. Então não acabou a missão. Está provado para todo mundo que merecemos estar lá”, complementou.

Brasil x Japão

O confronto direto pela vaga fixa na Série Mundial de Sevens começou complicado para as brasileiras. O Japão pressionou no ataque e abriu o placar com try de Okuroda, pela esquerda. Mas para as japonesas foi só. Daí em diante as brasileiras ficaram com a posse de bola e dominaram a adversária.

Em uma grande arrancada pelo meio, Baby ficou livre para marcar o primeiro try brasileiro, convertido por Raquel, que colocou as donas da casa na frente do placar. No fim do primeiro tempo o Brasil pressionou próximo a linha do in goal. Nakamura levou cartão amarelo, ficou fora por dois minutos e Luiza aproveitou para marcar o segundo try brasileiro. Fim de primeiro tempo com 12 a 5 para o Brasil.

Dando show com a bola nas mãos e nos pés, o Brasil voltou para o segundo tempo levantando a torcida. Foram nada menos que três jogadas com os pés que resultaram em tries brasileiros. Primeiro Raquel lançou na diagonal para Paulinha marcar e depois novamente de Raquel chutou a bola oval para Tata, que também com os pés passou para Haline finalizar. Por último, no try mais bonito da tarde, Izzy encobriu as japoneses chutando a bola para si própria, para fechar o placar em 33 a 5.

Esta foi a terceira vitória da Seleção Brasileira Feminina de Rugby Sevens em cinco partidas disputadas durante os Jogos Olímpicos Rio 2016. A campanha consolidou o Brasil entre as melhores equipes do mundo, garantindo que as Tupis participem de todas as etapas da Série Mundial de Sevens na próxima temporada. Até então a equipe havia participado apenas como convidada.

Nas demais partidas da tarde, o Quênia bateu a Colômbia e ficou com o 11º lugar, e as favoritas Austrália e Nova Zelândia se classificaram para a grande final, ao baterem o Canadá e a Grã-Bretanha, respectivamente. Estados Unidos e França, que superaram Fiji e Espanha, disputam o 4º lugar na noite desta segunda-feira.

Brasil 33 x 5 Japão

Brasil: 2 - Luiza Campos, 8 - Beatriz "Baby" Futuro Muhlbauer, 13 - Mariana Ramalho, 4 - Edna Santini, 5 - Paula Ishibashi (C), 7 - Haline Scatrut, 10 - Raquel Kochhann; 1 - Juliana "Juka" Esteves, 6 - Taís "Tata" Balconi, 9 - Amanda Araújo, 11 - Isadora "Izzy" Cerullo, 12 - Cláudia Teles. Técnico: Chris Neill.

Seleção Masculina estreia no Rio 2016

Amanhã acontece a estreia do Masculino contra Fiji e EUA. Confira a programação:

GRUPO A: Argentina, Brasil, EUA e Fiji 

 09/08 - Fase de grupos 

13h30 Brasil x Fiji 

18h00 Brasil x EUA 

10/08 -Fase de grupos

13h00 Brasil x Argentina 

Postar comentário

Observe que os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados