Com Grande Desempenho, Brasil Domina e Vence Paraguai Fora de Casa no Torneio Sul-Americano

Tupis anotam quatro tries em última rodada e terminam a competição com o terceiro lugar

09/05/2016 | Confederação Brasileira de Rugby.




Os Tupis fecharam a competição em terceiro lugar, com o mesmo número de pontos do Chile, o segundo. A equipe verde e amarela ficou atrás por conta dos critérios de desempate. O Uruguai sagrou-se campeão invicto, enquanto a nação paraguaia terminou com a última posição.Luque (PAR) – Com grande desempenho e belas jogadas, o Brasil venceu o Paraguai, neste sábado (7), por 32 a 21, fora de casa, em jogo válido pela última rodada do Torneio Sul-Americano de Rugby XV e com transmissão ao vivo pela Rede TV!.  Os tries brasileiros foram anotados por Daniel Sancery, Lucas Muller, Felipe Sancery e João da Ros. Alvaro Rojas e Leandro Glitz marcaram os tries paraguaios.

Mesmo longe de seus domínios, o Brasil impôs o seu estilo de jogo e, praticamente durante o jogo inteiro, ficou à frente do marcador. Bem posicionadas, as linhas tiveram bom desempenho. O resultado reflete o crescimento da equipe verde e amarela, após a implementação do projeto de desenvolvimento a longo prazo, e a confiança da torcida, que impulsiona o crescimento do esporte no país.

Agora, a Seleção Brasileira se prepara visando aos próximos compromissos na temporada. 

O JOGO

Após o bom público nos jogos disputados em Allianz Parque e Pacaembu, a Seleção Brasileira Masculina de Rugby XV despediu-se do ‘calor da torcida’ para encarar o Paraguai, fora de casa. No estádio Heróis de Curupayty, os “Jacarés”, como é conhecida a equipe mandante, pressionaram os Tupis logo nos primeiros minutos.

Incentivados pelos torcedores, os paraguaios iniciaram o confronto com estilo de jogo duro, na força física. Os mandantes tiveram oportunidades de abrir o marcador, mas pecaram nos chutes.

Aos poucos, o Brasil conquistou espaço no campo. Com as linhas bem posicionadas, os Tupis ficaram à frente em penal convertido por Moisés. A vantagem fez com que o estilo verde e amarelo em campo ficasse mais solto e dinâmico.

O bom momento foi consagrado com dois tries: Daniel Sancery e Lucas Muller cruzaram a linha para efervescer a torcida brasileira. Atrás do marcador, o Paraguai buscou o nivelamento do confronto e conseguiu diminuir a diferença em penais antes do final do primeiro tempo.

Na etapa final, os Jacarés souberam aproveitar a vantagem numérica em campo para alcançar o primeiro try, com Alvaro Rojas. Contudo, a superioridade voltou aos brasileiros, nos minutos seguintes, após penal convertido por Moisés.

Em jogo equilibrado, as duas equipes tentavam investidas, contudo, os setores defensivos obtinham vantagem. Para furar a retaguarda paraguaia, os Tupis apostaram na qualidade técnica de seus atletas. E o resultado foi o try de Felipe Sancery, após Moisés furar a defesa rival em grande estilo.

Na reta final do duelo, João da Ros, o Ige, finalizou com eficiência um maul para garantir outro try do Brasil. Leandro Glitz, nos últimos minutos, ainda anotou um try ao Paraguai para buscar a reação dos mandantes. Contudo, os Tupis administraram a vantagem e saíram vitoriosos do jogo.

 

Crédito: Frankie Deges

Serviço:
Paraguai 21 x 32 Brasil

 

Data/horário: 7 de maio de 2016, a partir das 16h30 (horário de Brasília)
Local: Estádio Heróis de Curupayty, em Luque (PAR)
Árbitro: Claudio Cattivelli (URU)
Auxiliares: Alexandre Longres (URU) e Mauricio Escalante (ARG)
Transmissão: RedeTv

 

Brasil: 1 - Lucas Abud (SPAC); 2 - Yan Rosetti (CUBA-ARG); 3 - Wilton Rebolo (São José); 4 - Cleber Dias (Wallys); 5 - Diego Lopez (Pasteur); 6 - Arthur Bergo (SPAC); 7 - João Luiz da Ros (Desterro); 8 - Nicholas Smith (SPAC); 9 - Beukes Cremer (Poli); 10 - Moisés Duque (São José); 11 - Stefano Giantorno (*em transição); 12 - Laurent Bourda (Bandeirantes Saracens); 13 - Felipe Sancery (São José); 14 - Lucas Muller (Desterro) e 15 - Daniel Sancery (São José). Técnico: Rodolfo Ambrosio.

 

Reservas: 16 - Luan Almeida (Jacareí); 17 - Caique Silva (*em transição); 18 - Jonatas Paulo (Bandeirantes Saracens); 19 - Gabriel Paganini (Bandeirantes Saracens); 20 - Mark Jackson (Desterro); 21 - Mateus Estrela M.Tavares (Niterói); 22 - Matheus Cruz (Jacareí) e 23 - Guilherme Coghetto (Desterro).

 

Paraguai: 1 – Emilio Gorostiaga; 2 – Omar Rojas; 3 – Alvaro Rojas; 4 – Alejandro Montiel; 5 – Carlos Plate; 6 – Leandro Glitz; 7 – Martín Ortíz; 8 – Miguel Jara; 9 – Gonzalo Bareiro; 10 – Gerard Cuttier; 11 – Diego Argaña; 12 – Mateo Arevalos; 13 – Carlos Bareiro; 14 – Sergio Alvarenga e 15 – Rodrigo da Rosa. Técnico: Eduardo Acosta.

Postar comentário

Observe que os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados

Continuar comprando
Seu Pedido

Seu carrinho está vazio. Você irá apoiar a CBRu com cada compra!